Conheça a história de Madre Tereza de Calcutá

Madre Teresa de Calcutá

De 1910 até 1997 Madre Tereza foi uma missionária católica da macedônia. Sua fama cresceu devido ao seu trabalho de caridade às populações carentes do chamado Terceiro Mundo. Com dezoito anos, Madre Tereza começou a frequentar a Casa das Irmãs de Nossa Senhora do Loreto. E, a partir de seu chamado, fundou a chamada Congregação Missionárias da Caridade.

Toda sua vida foi, desde então, dedicada aos pobres. Fazendo, pela sua fama receber, em1979, o Prêmio Nobel da Paz.

A vida de Madre Tereza

O nome, pouco conhecido, de Madre Tereza é Agnes Gonxha Bojaxhiu. Nascida em Skopje, Macedônia, no dia 26 de agosto de 1910, estufou em uma escola pública da Croácia.

Ingressando na Congregação Mariana, no dia 29 de setembro de 1928, entrou para a conhecida Casa das Irmãs de Nossa Senhora de Loreto. Em Dublin, na Irlanda, Madre Tereza recebeu um seu sonho do Divino, para ir a Índia, onde trabalharia no ramo missionário com os carentes e pobres. Três anos depois, Madre decidiu fazer votos de pobreza, obediência e castidade, para se entregar ao seu ministério.

A vida de Madre Tereza de Calcutá passou a ser um grande exemplo para nós. Com ela, pudemos aprender o real sentido do amor pelo próximo, que hoje devemos aplicar em nossas vidas. Esperamos que tenha gostado de aprender um pouco mais da vida desta irmã, lutadora pelo povo e pelos necessitados.

Conheça alguns de seus pensamentos

“Todas as nossas palavras serão inúteis se não brotarem do fundo do coração. As palavras que não dão luz aumentam a escuridão.”

“Por vezes sentimos que aquilo que fazemos não é senão uma gota de água no mar. Mas o mar seria menor se lhe faltasse uma gota.”

“Todas as nossas palavras serão inúteis se não brotarem do fundo do coração. As palavras que não dão luz aumentam a escuridão.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *